EURUSD em Rota de Queda e Nikkei Apontando para uma Nova Baixa

Nenhuma imagem ou texto devem ser tomados como indicação de investimento. Todo o conteúdo a seguir deve ser visto apenas com fins educacionais

Olá traders. Acredito que você, como eu, tem olhado pra o EURUSD há algum tempo pensando: “Será que a reversão vem agora?” Bom, como veremos nesse artigo, as chances de isso acontecer não são tão boas. Na verdade, veremos outro cenário. Já no Nikkei, o índice japonês está há meses sem definição, só que chegou a hora de ele se decidir, e o momento é de atenção. Se você ainda não acompanha essas análises semanais, e essa é a sua primeira, meu amigo, fique atento, pois o negócio aqui é consistente, e você não vai querer perder nenhuma informação. Aproveite seu estudo e abra uma conta demo na Vantage, baixe a plataforma e verifique como estão esses ativos analisados.


Pontos de Discussão – EURUSD


Como disse, tem muita gente esperando uma reversão no EURUSD, que já está em tendência de baixa há mais de 1 ano, e parece já ter caído tudo o que tinha pra cair. Bem, repare como o preço tem tido dificuldades para romper uma resistência até de menor peso, como 1.02600. Isso não é uma atitude de um ativo que tem força pra gerar uma massiva reversão da queda. Aliás, não sei se você reparou, mas o preço do EURUSD veio abaixo de 1.03700, que era um mega suporte no gráfico semanal, e o ponto perfeito para que a reversão pudesse ao menos dar as caras. Mas não, o preço rompeu, e rompeu bonito. Além disso, é de conhecimento geral que há algumas semanas o euro chegou a valer menos do que o dólar, e apesar de não ter fechado nenhum dia abaixo de 1.00000, isso gerou uma expectativa muito grande nos investidores, de que esse número fosse vencido logo, logo.


Mas como o mercado não é um ambiente padronizado, esse rompimento não costuma vir sem umas ‘cassetadas’, ou seja, ainda pode haver pegadinhas para os traders, deixando-os crerem que a reversão virá, levando inúmeros a comprarem em um fundo sem confirmação suficiente. É seu caso? Hum, esse artigo não é recomendação para você decidir vender ou comprar, mas eu posso te dar a dica pra ficar atento, analisar a estrutura macro, tentar ver mais como um grande player, e enxergar a situação como um todo. Essa análise é perfeita pra essa finalidade, por isso você pode passar aqui semanalmente e conferir.


Vamos fazer um exercício... pare um pouco e pense: a maioria dos traders iniciantes vai pensar que “já caiu muito”, ou então “tudo que desce sobe”, e mais, “quando reverter, vai subir tudo o que caiu antes”. É isso que profissionais querem que seja o pensamento dominante entre os pequenos investidores, pra que quando o mercado dê a entender que vem a reversão, eles entrem comprados. Acontece que esse comportamento é esperado. Quando o preço sobe além de uma resistência, após já ter caído por vários meses, é aí que ordens mais pesadas de venda tendem a entrar. Muitos compradores verão seus stops serem atingidos, e outros tantos arrancarão os cabelos, desejando ardentemente terem colocado algum stop.


Vendo o que o preço fez no gráfico, com uma análise pura de Price Action, podemos identificar as pegadas que esses grandes investidores institucionais vão deixando. O preço está acumulado há uns 18 dias, sem conseguir romper a resistência menor em 1.02600, e até já deixou alguns candles interessantes, como dois engolfos de baixa (26/07 e 02/08), mas ainda não houve uma queda. Analise bem um pouco mais acima, na região de 1.03700, e lembre-se que agora há pouco eu disse que era uma zona de suporte importantíssimo no gráfico semanal. Lembrou? Não? Volte um cadinho e veja. Aproveite e veja também o gráfico mensal do EURUSD logo abaixo. Pois bem, é ali que são colocadas muitas ordens de venda capazes de influenciar o mercado, pois trata-se de uma inversão suporte pra resistência, tanto no semanal como no gráfico Diário. Como o preço está lateralizado um pouco abaixo, indicando possível acúmulo de energia entre ordens vendedoras e compradoras, um traço característico nesses momentos é as vendas mais pesadas saírem do radar, apenas temporariamente. Isso acontecendo, o preço sobe devido à sobra de demanda. Quando alcança então a melhor região, que como podemos ver está logo acima, 1.03700, é que as ordens de venda geralmente entram em peso, pegando geral de surpresa.


Para operações de day trade, podemos ver no gráfico de H4 como o preço do EURUSD está mirando na linha superior de um canal de alta em formação, ao mesmo tempo que visa a resistência forte mencionada, gerando fatores coincidentes. Nessa hipótese, o alvo de curto prazo mais interessante é 1.00500, uma região mais tranquila de ser testada, mesmo que o preço não venha a romper o grande número redondo 1.00000. Em casos de esticar uma queda por mais tempo, certamente o ponto de equivalência entre as moedas será de grande desejo ser atingido, e o mercado vem com tudo pra forçar a barra até lá, no mínimo. Por fim, se você é mais paciente (o que aconselho a todos os investidores e traders), atente para o gráfico mensal e veja que o caminho abaixo de 1.00000 está livre até 0.96000! São 4 mil pontos de espaço para os vendedores pintarem e bordarem. Quem é ligado não perde essas oportunidades raras de amplitude sem maiores empecilhos, isto é, quando vê que o preço tem espaço pra cair sem suportes no meio do caminho, enche os olhos, e boa parte das vezes, os bolsos. Não custa lembrar que o swap para venda no EURUSD é bem positivo, na maioria das vezes. Assim, a cada dia posicionado, o trader ganha alguma coisa só por não ter fechado a ordem. Claro, isso envolve um estudo mais aprofundado pra estratégias lucrativas, mas é legal de lembrar que vendas no EURUSD costumam ter esse benefício.


Bom, a ansiedade do mercado com o rompimento de 1.00000 é tanta, que eu não me admiraria se o preço nem sequer fosse buscar 1.03700 antes de cair, uma vez que a resistência atual, aparentemente de menor importância, já mostrou ser forte pra segurar os compradores. Assim, uma vez que o preço caia de onde está atualmente, a região de 1.00000, ou alguns pips acima, passa a ser o alvo de mais interesse para operações de curto prazo. Como nada é garantido, fique esperto para a região de stop loss mais tranquilos, como indicado também na imagem do EURUSD de 4 horas mais abaixo. Isso significa que se o preço passar daquele ponto, não vale mais a pena pensar em uma forte tendência continuando daquela resistência, e partiríamos pra uma busca mais cautelosa em níveis superiores.


Calendário Econômico para a Semana

Semana com notícias fortes para o USD, com valores de inflação, índice de preços aos montes, mas nenhuma notícia significativa prevista para o euro.


USD

- Quarta-feira, 10 de Agosto de 2022, às 09:30 – Índice de Preço ao Consumidor

Alteração no preço dos bens e serviços adquiridos pelos consumidores, que representa a maior parte da inflação geral. A expectativa é de uma diminuição em relação ao mês anterior, e se vier menor ainda, poderemos ver essa pequena alta esperada no EURUSD, conforme analisamos no artigo, antes da queda provável.


- Quinta-feira, 11 de Agosto de 2022, às 09:30 – Índice de Preço dos Produtores

Se os produtores de mercadorias e serviços aumentam seus preços, isso gera impacto na inflação. O mercado espera uma diminuição em relação ao mês anterior.


- Sexta-feira, 12 de Agosto de 2022, às 11:00 – Dados Preliminares sobre Sentimento dos Consumidores

Pesquisa com centenas de consumidores, realizada pela universidade de Michigan, que ajuda identificar os gastos das pessoas. Um valor maior para o índice mostra alta demanda, e consequente expectativa de alta na inflação (o que é bom para o USD, apesar de ruim para os consumidores). Esse é o dado preliminar, que é costuma gerar mais impacto do que o mesmo dado revisado, divulgado posteriormente.


EURUSD – Gráfico Diário


EURUSD – Gráfico Mensal


EURUSD – Gráfico de 4 Horas



Pontos de Discussão – Nikkei


Caminhando junto com a maioria dos índices mundo a fora, o Nikkei pegou uma alta que durou aproximadamente umas 7 semanas, saindo do suporte em 25600.00 e alcançando na última sexta-feira 28 mil pontos. Enquanto a subida durou quase dois meses, a queda imediatamente anterior tinha levado 7 dias, tornando a discrepância muito grande. Apesar de o preço do Nikkei não estar em tendência definida, as regiões nas quais está oscilando são bem definidas. E mais, a queda anterior mencionada veio a partir de um pinbar de baixa muito significativo, o que gerou uma região explosiva exatamente na resistência foco dessa análise, entre 28200 e 28400.


Repare no gráfico Diário como o preço testou duas vezes claramente a resistência da consolidação, e duas vezes o suporte em 25600. Atente também como cada um desses topos vem indicando que é levemente inferior ao anterior, e o preço agora está alguns pontos abaixo do último. Ligando os topos com uma linha inclinada para baixo, vemos que o preço está exatamente no terceiro toque dela, e isso é mais um indício de queda iminente. São duas fortes regiões de resistência: uma horizontal e uma inclinada, ambas de D1.


Quando analisamos o gráfico de 1 hora, chama muita atenção o padrão harmônico em formação, Butterfly. Esse comportamento do preço reflete a seguinte situação. Inicialmente um grupo de ordens de venda leva o preço abaixo de maneira firme, e logo em seguida vem uma correção que alcança a região entre 61,8% e 76,4% de Fibonacci (essa última bem mais comum nesse padrão). Na tentativa de cair mais, porém, não passa 23,6% da mesma Fibo. Daí sobe e chega a um valor ainda maior que o início do movimento, alcançando uma proporção entre 123,6% e 161,8% da ferramenta de Fibonacci traçada. A partir daí a qualquer momento pode vir uma queda muito forte. Veja na imagem abaixo:



E mais, o Nikkei costuma respeitar esse padrão. Há pouco tempo, em abril desse ano, dois padrões bastante parecidos ocorreram, e ambos geraram movimentos de queda expressivos. Veja:





Este último foi um padrão Crab (carangueijo) perfeito! A diferença entre o Butterfly e o Crab é que no caso do segundo, a retração inicial alcança 61,8%, e busca mais exatamente o 161,8% antes de cair. Já o padrão Butterfly, como vimos na imagem, busca 76,4% na retração, e a partir de 123,6% qualquer hora, é hora, gerando quedas fortes no preço. Repare no gráfico de 1 hora do Nikkei como a região de 161,8% coincide exatamente com a linha superior do canal de alta do gráfico Diário. Ali é uma excelente região para procurar oportunidades de venda, mas como disse, no padrão Butterfly a partir de 123,6%, qualquer hora, é hora. Atenção ao alvo mais interessante de curto prazo em 27400.00. A partir dali, ideias de proteção podem valer a pena estarem em um planejamento.


Calendário Econômico para a Semana


Não teremos notícias fortes para o iene durante a semana.


Nikkei – Gráfico Diário


Nikkei – Gráfico de 1 Hora


COMECE A OPERAR HOJE MESMO


Aproveite as vantagens para abrir uma conta demo para testar, e faça pelo link abaixo


Abrir uma conta agora